Brasil

Justiça aceita denuncia e Crivella vira réu em ação

O prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, virou réu após a Justiça do estado aceitar uma denúncia de improbidade administrativa apresentada pelo Ministério Público. O motivo foi uma reunião com reapresentantes de igrejas ocorrida em julho deste ano.

A decisão é do juiz Eduardo Klausner, da 7ª Vara de Fazenda Pública do Rio, que também intimou o município a se pronunciar sobre o ocorrido. Para os procuradores, o prefeito do Rio “usou o espaço público e extrapolou limite do razoável ” o encontro e ofereceu vantagens como cirurgias para fiéis.

Ao portal G1, a Prefeitura afirmou que “o prefeito Marcelo Crivella recebeu com tranquilidade a notícia. E tem a convicção de que a Justiça só vai comprovar mais um equívoco jornalístico. Aliás, erro grave, que manipulou a opinião pública e atentou contra a democracia”.

O CASO
Na dia 5 de julho, o prefeito recebeu 250 líderes da Igreja Universal do Reino de Deus no Palácio da Cidade. Aos presentes, Crivella falou sobre ajudas com IPTU, cirurgias de catarata e de varizes, oferecidas pela prefeitura. Um áudio da reunião foi vazado e gerou polêmica.

Clique para comentar

Faça um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Visualizadas

Topo