Política

Barrado do debate da Globo, Daciolo profetiza fim da emissora

O candidato à presidência Cabo Daciolo (Patriota) foi impedido de estar no debate na Rede Globo na noite desta quinta-feira (4). A emissora alega que seu partido não teria cinco deputados na Câmara nem 6% das intenções de voto, requisitos estabelecidos para a participação.

A assessoria dele enviou ao Gospel Prime uma cópia da petição encaminhada ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), onde contesta a decisão da Globo, alegando que ela usa critérios diferentes das outras redes de TV que também organizaram debates em que ele foi convidado. Contudo, ela foi rejeitada.

“O nosso partido recorreu junto ao TSE contra o boicote da Globo, que não nos convidou para o debate de hoje. O propósito está nas mãos de DEUS e, independente do resultado, este servo que vos fala, Cabo Daciolo, candidato à presidência da República, não vai se calar!”, diz a nota oficial.

A opção do candidato do Patriota foi fazer uma “live” em sua página do Facebook às 20 horas.

Durante o dia ele publicou nas suas redes sociais um vídeo de 2016, quando votou pelo impeachment de Dilma Rousseff.  Transmita ao vivo para todo o país em cadeia nacional, na ocasião ele declarou: “Rede Globo, em nome do Senhor Jesus eu profetizo a queda dos senhores”.

Durante a transmissão de hoje, voltou a profetizar o fim da emissora, dizendo que ela é “cercada de demônios”.

Explicando que recebeu autorização de Deus para dar um recado à Igreja, anunciou que “muitos influentes do mundo gospel” estão envolvidos com a maçonaria e também “cairão se não se arrependerem”.

(GP)

Clique para comentar

Faça um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Visualizadas

Topo